Europa

Dia 1: após a trilha dos Volturi. Volterra e Montpulciano

Pin
Send
Share
Send


Eu sou uma mulher da cidade. E isso foi demonstrado quando o som dos sapos no meio da paz da Toscana à noite e o canto dos pássaros pela manhã não me deixaram dormir. Não sei se foi porque estava "hiper", por causa da cocaína que bebi no aeroporto ou porque senti falta da minha cama, mas o fato é que às 6h30 eu já estava acordada e às 7 decidi tomar banho, acordando a pobre Clara (Azuki também estava acordado há um tempo).

Colocamos nossas camisetas nerds, desenhadas por Azuki para a ocasião com o slogan "Eu amo garotos que brilham" (eu gosto de garotos que brilham) e descemos para o café da manhã. Às 8h30, o café da manhã começou a ser servido na varanda. Eu já tinha ido a casas rurais, mas a verdade é que o café da manhã nos surpreendeu (pão, salsicha, croissants de pastelaria, suco, etc.). Especialmente o bolo feito na hora (até ficar quente) de maçã e pêssego. De gostoso!

Paisagem do vulcão.

Com um café no corpo, fomos procurar nosso carro, definimos as coordenadas no Tomtom e seguimos para nosso primeiro destino: Volterra. Do B & B a Volterra, existem 58 quilômetros, o que não é rodovias, leva uma hora para fazer a viagem. Ao nos aproximarmos de Volterra, a paisagem estava embelezada. Os prados, campos de trigo, ciprestes e casas senhoriais são um espetáculo.

Ao chegar em Volterra, estacionamos o carro do lado de fora do muro e entramos pela porta de San Francesco, que era curiosamente onde Alice entrava, na direção da Piazza dei Priori, que é espetacular. Ao chegar lá, a primeira coisa que nos surpreendeu foi ver que não havia fonte! O que existia era o centro de reservas de acomodações decorado com capas de livros e filmes. Entramos lá e eles nos deram um mapa da cidade que indicava onde cada coisa / parte estava acontecendo no livro.

Mapa especial de Volterra com os locais de «Lua Nova».

Deve-se dizer que a sra. Meyer viu a foto da praça na Internet, mas quase tudo foi inventado, portanto os locais exatos não. A primeira coisa foi ir para o "beco escuro", que não estava exatamente à esquerda da torre do relógio, mas um pouco mais. No "beco escuro", fizemos alguns geeks e tiramos algumas fotos até encontrar o esgoto através do qual eles descem para o porão. Mais tarde, continuamos com o tour do livro.

Piazza dei Priori ... onde fica a fonte?

A verdade é que Volterra é uma cidade com muito charme e antiguidade, já que data dos etruscos. A cidade, como quase toda a Toscana, fica no topo de uma colina e cercada por um muro. Isso significa que é preciso subir e descer muitas encostas. Embora Volterra já fosse conhecido antes, agora está desfrutando de muita popularidade graças à saga Crepúsculo, e é claro, eles se aproveitam disso. Existem muitas lojas que vendem lembranças com motivos para o livro, embora eu deva admitir que esperava muito mais.

Esgoto de "beco escuro" que infelizmente foi todo pintado.

Na praça, encontramos um fã da família que também estava visitando a cidade e veio da Geórgia, EUA. Ha ha! E ele vai e eles nos perguntam: Team Edward ou Team Jacob? Team Edward, obviamente.

Pin
Send
Share
Send