Europa

Reunião do Travel Blogger em Gredos #TBMGredos

Pin
Send
Share
Send


Este fim de semana, no âmbito do Sierra de Gredos, o sexto foi comemorado Reunião do Travel Blogger: mais de cem blogueiros de viagens abordam o campo para viver uma experiência de turismo rural. A organização, por Eddy Lara e Mª Victoria RodríguezFoi mais uma vez excelente e um tanto titânico.

O dia de sexta-feira começou com o que, na minha opinião, foi a melhor parte: conversa e debate em viagem. Infelizmente, não pudemos participar dessa troca de opiniões por questões trabalhistas. Para chegar ao Parador de Gredos, alugamos um carro junto com Esther de Missviajes, Luís de Xixerone, JD de Viajar, comer e amar, e Juan Antonio de Somos viajantes. Foi uma viagem cheia de contratempos: sofremos atrasos na Península Ibérica, saímos da estrada em direção a Segóvia em vez de Ávila e acabamos viajando por 40 minutos por uma estrada de cabras por um campo de caça particular, porque o GPS dizia caminho mais curto. Houve grandes momentos deliriums tremens e finalmente, finalmente, chegamos ao albergue à uma da manhã.

Prometemos um ao outro muito feliz antes de sair

O dia de sábado começou com a palestra mais interessante da TBM: a oficina de SEO. Por duas horas, Muñoz, natural de Chiclana e responsável pela empresa de SEO Marbella, ficou encarregado da difícil tarefa de nos esclarecer e explicar técnicas e dicas para otimizar nossos blogs. Foi muito interessante e útil, mas se você não pôde participar do TBM, pode fazer o download da apresentação em seu site.

Depois dele coffee break banana, graças ao Bananity, foi a vez da conversa de viagem sobre o Turismo rural, em que conversamos sobre a situação do setor com Toprural.com e a Associação Empresarial Gredos.

Às duas horas seguimos em direção a Parque de campismo de Navagredos Para almoçar um pastor. Lá estávamos esperando uma sacola contendo um sanduíche de salsicha da região, uma garrafa de vinho e algumas gemas. A comida estava em um ambiente bonito, mas a penalidade foi que neste final de semana a temperatura estava muito baixa e tivemos um pouco de frio. Depois do almoço, fomos abraçar árvores literalmente para fazer uma comunhão com a natureza. Acabei entupindo o carro na lama e tive que ser resgatado por um grupo de assistentes. Obrigado a todos por me ajudar a sair da lama.

Juan Antonio e Doris abraçando uma árvore

À tarde, foi a vez das experiências de viagem. Antonio Quinzán de Viagens e fotografia nos trouxe sua bela poesia lida e nos fez conhecer as maravilhas do mundo maia Além de deixar claro que tivemos que voltar e visitar a Guatemala. Então, Xabier Villanueva de Como sendo um kiwi nos contou intimamente sobre sua jornada de seis meses as paisagens exuberantes da Nova Zelândia. Embora sem dúvida, o melhor foi a palestra de Carmen Pérez del Olmo, de Tranjinando ao redor do mundo, que conseguiu nos infectar sua paixão pela Índia durante uma exposição tocante. Foi uma tarde em que fizemos uma jornada cultural, paisagística e humana.

Pin
Send
Share
Send