África

Guia de viagens para o norte da Tunísia por 7 dias

Pin
Send
Share
Send


Na reunião do Travel Blogger em Málaga Ganhamos uma viagem à Tunísia Cortesia de uma semana do Turismo da Tunísia. A viagem consistiu em seis noites de hotel em regime de meia pensão com vôos e traslado aeroporto-hotel e vice-versa incluídos. A partir daqui, gostaríamos de agradecer ao Turismo da Tunísia, que estava aberto para nos dar as noites nas cidades que propusemos, uma vez que nossa intenção era fazer uma rota pelo país.

Depois da «Primavera árabe»muitas pessoas preferem não viajar para Tunísia. E é uma pena, porque atualmente o país desfruta de alguma estabilidade. Para ser sincero, também tive minhas dúvidas, por isso falei diretamente com o jornalista que minha empresa enviou para cobrir a chamada Revolução Jasmine e me disse que, mesmo no meio da revolução, tudo era bastante pacífico e que não havia motivo para me preocupa

Depois de voltar da Tunísia, posso confirmar que não há nenhum problema para se deslocar pelo país e, como no dia a dia, é muito seguro. Além disso, da Tunísia temos uma imagem errada do turismo de praia e estância, mas o país tem muito mais a oferecer. De fato, de tudo o que visitamos, o Praia seria a última coisa que eu recomendaria. Nós visitamos o norte e lá você pode encontrar ruínas romanas espetaculares, medinas autênticas e pessoas adoráveis. De fato, da Tunísia sempre lembrarei das pessoas, que achei muito amigáveis ​​e agradáveis.

Rota pelo norte da Tunísia

Dia 1: ruínas de Cartago e Sidi Bou Said
Dia 2: Ruínas de Dougga
Dia 3: Kairouan
Dia 4: Kairouán e Port el Kantaoui
Dia 5: anfiteatro de El Jem e a medina de Mahdia
Dia 6: Medina de Susa
Dia 7: a medina da Tunísia

Procedimentos de entrada na Tunísia

Para entrar na Tunísia, é necessário apenas o passaporte espanhol com validade mínima de seis meses. Na entrada não há necessidade de pagar qualquer visto.

Línguas

A língua oficial e mais falada é o árabe, embora o francês seja difundido devido ao passado colonial do país.

Vacinas e recomendações médicas

Não há vacina obrigatória para ir à Tunísia, mas é conveniente manter as vacinas básicas atualizadas (febre tifóide, hepatite A + B e tétano). Para mais informações, você pode entrar em contato com o centro internacional de vacinação mais próximo.

Voos para Tunísia

Atualmente, a Tunis Air tem vôos diretos de Madri e Barcelona. O serviço a bordo é muito bom e inclui comida, embora os aviões sejam um pouco antigos.

Voos domésticos na Tunísia

As distâncias na Tunísia não são exageradamente grandes, por isso é fácil mover-se de ônibus, louage ou treinar E para chegar ao sul rapidamente, você pode voar para Tozeur, Djerba e Sfax com o Tunis Air ou o Tunis Air Express.

Hotéis em Tunísia

Nesta viagem, propusemos ao Turismo da Tunísia uma série de cidades e eles selecionaram os hotéis em que íamos ficar. Acabaram sendo cinco estrelas, o que não esperávamos.

Le Palace em GammarthLocalizado na zona costeira de Gammarth, é um hotel cinco estrelas com todos os confortos e luxos esperados de sua classe. O negativo deste hotel é que dependemos do táxi para chegar à estação ferroviária mais próxima (La Marsa) e de lá tivemos 40 minutos de trem para a capital da Tunísia. É um bom hotel para explorar a área de Cartago e Sidi Bou Said, mas para visitar outros lugares da Tunísia éramos muito complicados de viajar.

Hotel La Kasbah em Kairouán Este é um hotel cinco estrelas pelo qual eu teria pago para ficar. É um antigo Kasbah reformado em um hotel de luxo e localizado ao lado da Medina Kairouán. Os quartos são decorados com bom gosto e possuem uma piscina onde tomamos o primeiro banho da temporada.

Hasdrubal Thalassa & Spa em Port el Kantaoui Este hotel localizado na área mais turística de Soussa tem bons quartos e uma piscina interior aquecida. No serviço de jantar, eles oferecem a opção de solicitar uma carta, que foi apreciada após vários dias comendo um buffet. Pena que o spa Não foi incluído, mas ainda é um bom hotel e um local muito agradável para explorar pontos de interesse próximos.

Transporte na Tunísia

LouageEssas vans ou microônibus compartilhados de 8 lugares fazem viagens entre cidades sem paradas. A van começa quando todos os assentos estão ocupados e, em geral, é a maneira mais rápida de se deslocar pelo país. O louages Eles deixam estações predeterminadas e pagam diretamente ao motorista ou na bilheteria da estação. Nós nos mudamos principalmente em louage, porque além de ser mais rápido, oferece a opção de lidar mais com as pessoas. Embora eu não recomendo usá-los no verão, pois eles não têm ar condicionado e nem em deslocamentos de mais de duas horas.

TremA rede ferroviária na Tunísia não é muito extensa, mas liga a capital às principais cidades da costa. Fomos de Soussa para a Tunísia em um trem expresso e nos deixamos na capital em uma hora e meia. Você pode ver horários e preços no site deles.

CoachNão usamos o ônibus a qualquer momento, mas existe uma ampla rede que liga as principais cidades. Você precisa verificar os horários, porque eles não saem a cada hora (apesar do que o guia Lonely Planet indicar) e geralmente custam o mesmo que o louage.

Bonde ou metrô léger
É a maneira mais fácil de se locomover pela cidade da Tunísia. Tem seis linhas.

Táxi
Eles são baratos, rápidos e uma boa maneira de percorrer curtas distâncias, mas você deve ficar de olho: em nossa experiência, um em cada dez taxistas tentará provocá-lo, mas você não precisa sair. Se isso acontecer com você, recomendo descer e parar outro táxi, pois em 90% dos casos você será uma pessoa honesta e legal. Os táxis na Tunísia são amarelos e carregam um medidor. Quando você entra no carro, é necessário libertar o medidor. A taxa inicial é de 0,400 dinares e, se for de noite, começará em 0,600 dinares. Se o taxista tentar chegar a um acordo, não perca tempo discutindo com ele, desça e espere que outro aconteça.

Táxis compartilhadosTambém há táxis compartilhados para percorrer as grandes cidades, embora você precise pedir aos locais para saber para onde estão indo. Nós os usamos para ir de Port el-Kantaoui à medina de Soussa. Eles se parecem muito com louages, porque são vans de oito lugares, mas amarelos e podem ser parados a qualquer momento.

Excursões da capital da Tunísia

Ruínas de Cartago

Você precisa ter muita imaginação para ter uma idéia de como essa cidade esplêndida estava no auge, primeiro como a capital do Império Cartaginense e depois como uma importante cidade do Império Romano. Pessoalmente, não recomendo muito a visita, a menos que você seja guiado ou amador sobre esse assunto, pois há muito pouca informação no site e resta muito pouco. A entrada para o sítio arqueológico custa 9 dinares (mais um dinar para a permissão de tirar fotos) e serve para visitar todos os sítios arqueológicos e o museu de Cartago.

Pin
Send
Share
Send