Europa

Albacete no fim de semana #ABconbloggers

Pin
Send
Share
Send


Neste verão, decidimos viajar pela Espanha. Antes de realizar o Caminho de Santiago nós passamos três dias na província de Albacete. E você pode se perguntar: o que pode ser feito em Albacete por três dias? Neste post, mostraremos que muito mais pode ser feito do que você pensa.

Turismo industrial em Albacete

Se você já pensou em como seus produtos favoritos são fabricados, graças a Inturmancha Você terá a resposta. Esta empresa dedica-se a organizar visitas a empresas ativas e também a visitar o patrimônio histórico industrial de La Mancha. Por exemplo, no sábado de manhã visitamos a fábrica Miguelitos Ruiz e as Vinícolas de Torres Filoso. O miguelitos de La Roda Eles são um dos doces mais famosos de Albacete. Em 1951, a família Ruiz começou a preparar esses doces típicos em sua pequena oficina na cidade de La Roda. Atualmente, a fábrica possui mais de 2000 metros quadrados e, na visita guiada, pudemos descobrir como esse bolo é preparado. A versão tradicional é uma massa folhada assada recheada com creme e polvilhada com açúcar de confeiteiro. No entanto, muitas outras variedades, como açúcar e chocolate, são produzidas atualmente. Logicamente, é essencial parar na loja antes de sair. A próxima visita de turismo industrial o que fizemos naquela manhã foi para o Vinícola Torres Filoso, uma vinícola localizada na cidade de Villarrobledo, onde retornaram às suas origens produzindo vinho de maneira mais artesanal e em menor escala. Lá eles explicaram o processo de produção e as características que seus vinhos tinham, com base no cuidado que prestam às uvas e na limpeza. A vinícola também organiza degustações de vinhos.

Caminhadas e natação nas lagoas de Ruidera

Quem disse que Albacete é um secarral? Uma hora de Albacete é o parque natural das lagoas de Ruidera e nos mudamos para a cidade de Ossa de Montiel em Albacete para fazer uma rota de caminhada pelas lagoas. A rota que fizemos foi a rota transversal das freiras, uma rota de seis quilômetros ao longo da qual caminhamos por várias lagoas e depois subimos ao topo da cruz da freira para desfrutar de vistas panorâmicas fantásticas das lagoas. As lagoas têm uma cor turquesa que surpreende e é o local ideal para se refrescar do calor no verão. Lá, além de tomar um banho, você pode praticar esportes aquáticos, como mergulho e caiaque.

Pratique esportes de aventura

Quem pensa que Albacete é todo plano, está muito enganado. Em Albacete há uma cordilheira e no domingo de manhã nos mudamos para a cidade de Yeste para fazer canyoning na ravina de Las Marinas nas proximidades, com a empresa Olcade Adventure A descida de barrancos é um esporte que consiste em seguir o leito do rio e percorrer encostas rapelando em cachoeiras e, às vezes, você desliza ao longo de escorregadores de pedra natural em direção a piscinas rasas. Como um parque aquático natural. É muito engraçado, nada complicado e não é necessário ter a forma física de um atleta para poder passar por ele. Ao retornar de Yeste a Albacete, você pode parar no Miradouro de Ayna lembrar o filme Amanhecer não é pouco José Luis Cuerda, que foi filmado em Albacete. Vocês são amanecistas? Então você não pode perder a oportunidade de tirar uma foto lá.

Visite a cidade de Albacete e o Museu de Talheres

A capital de Albacete é uma cidade muito cucana à qual você pode dedicar uma manhã, embora se você dedicar um dia inteiro, muito melhor. Uma das coisas mais surpreendentes da cidade é a quantidade de edifícios históricos que possui. Uma dica: ao visitar a cidade, procure o tempo todo para não perder a beleza desses edifícios. Entre os mais destacados está o Diputación de Albacete, com uma estátua de Dom Quijote e Sancho Panza acolhendo, o Perona Houseo Posada del Rosario e ele Passagem de Lodares, uma passagem coberta modernista com um telhado envidraçado que deixa a luz iluminar as construções de pedra esculpida. Também localizado em um prédio único da cidade está o Museu Municipal de Talheres, um museu interessante no qual podemos fazer uma revisão histórica dos talheres em Albacete. Aqui vamos encontrar máquinas de barbear de épocas muito diferentes, desde a idade do ferro até o presente. Também aprenderemos como é feita uma faca Albacete e teremos a oportunidade de ver peças de colecionador. Depois de visitar o museu, você não pode sair de Albacete sem comprar facas de qualidade. Visitamos duas lojas onde compramos boas facas de cozinha para casa. A primeira loja que visitamos foi a Talheres Simon, uma loja com muita tradição fundada em 1947. Aqui poderíamos desfrutar de uma grande exposição de facas e espadas. A próxima loja que visitamos foi a moderna Home Arches, uma loja que possui todos os tipos de utensílios domésticos, de facas a panelas, e onde compramos mais acessórios para nossa cozinha. Deixe o Arguiñano se preparar!

Pin
Send
Share
Send